180graus

Desenvolvido com 273 crianças - 06/06/2017 às 09h53

Cineas Santos planta árvore com alunos do projeto 'Meio Ambiente: Sementes do Amanhã'

Antonio das Neves - Peritos Associados
comserv

Dando continuidade ao projeto que concilia a natureza com a literatura, o Centro Municipal de Educação Infantil Francisco de Assis realizou um momento de arborização do espaço através do projeto “Meio Ambiente: Sementes do Amanhã”, que é um convite à reflexão, amar, defender e preservar.

O projeto está sendo desenvolvido desde o mês de abril, quando inspirado na beleza dos jardins, o Cmei Francisco de Assis, no Mocambinho, desenvolveu o projeto “Jardim de poesia”, por meio do qual foi trabalhado durante dois meses o gênero textual poesia. A ação faz parte do projeto “Universo encantado da leitura”, que está em sua segunda edição e incentiva a aproximação das crianças com os livros através do meio ambiente. O projeto foi trabalhado com 273 crianças de 2 a 5 anos.

Para a realização dessa segunda etapa do projeto o professor Cineas Santos, parceiro das atividades que estão sendo desenvolvidas, esteve presente para junto com as crianças do 2º período da Educação Infantil realizarem o plantio de Ipês. Foi um momento de envolvimento e alegria para todos.

WhatsApp Image 2017-06-06 at 09.27.34.jpeg

“É muito gratificante acompanhar esses projetos que têm como objetivo estimular a leitura e o cuidado com o meio ambiente. Então, parabenizo a equipe da escola pela iniciativa. Em evento passado onde fui homenageado pela criançada prometi voltar para plantarmos um Ipê Amarelo no pátio da escola. Promessa cumprida com muito carinho”, disse Cineas Santos.

Outro grande parceiro é a equipe do Projeto Lagoas Ambiental, do Programa Lagoas do Norte, que forneceu as mudas e fará diversas atividades no Cmei esta semana em alusão ao Dia Mundial do Meio Ambiente.

“A escola propõe-se a trabalhar em 2017 com atividades que envolvam a natureza, temas sobre meio ambiente com a leitura, para que os estudantes observem no jardim elementos que possam se transformar em poemas. Por isso, a importância de deixar o jardim cada dia mais colorido e florido, mostrando para nossas crianças a relevância da preservação ambiental e transformando tudo isso em poemas como forma de registro do que esta sendo aprendido”, explico Josélia Cristina Carvalho, diretora do Cmei.

Nesta segunda-feira (05) a equipe do Cmei organizou um dia especial com a garotada. Todos se encantaram com um espaço novinho para a hora de lazer da escola. O Chuveirôdromo foi inaugurado com muita festa e muito banho de chuveiro. A água já cai diretamente no jardim mostrando para os pequenos a importância do aproveitamento desse liquido tão precioso para os seres humanos. “Hoje foi um dia de muita diversão, mas acompanhado de muito aprendizado”, finalizou Josélia.

WhatsApp Image 2017-06-06 at 09.27.37.jpeg

WhatsApp Image 2017-06-06 at 09.27.35.jpeg

Fonte: Com informações da Prefeitura de Teresina

Veja a programação - 02/06/2017 às 20h05

Lagoas do Norte realiza circuito integrado em educação ambiental e sanitária

Antonio das Neves - Peritos Associados
comserv

Conscientizar crianças e adolescentes sobre os cuidados com o meio ambiente. Com esse objetivo, o Programa Lagoas do Norte, através da Unidade do Projeto Socioambiental, realiza o I Circuito Integrado em educação ambiental e sanitária. As ações, feitas em alusão ao Dia Mundial do Meio Ambiente, começam na segunda-feira (05/06) com visita e plantio de árvores onde está sendo construído o Parque do Mocambinho.

A visita ao local das obras do Parque do Mocambinho acontece a partir das 8h. Os alunos do Escolão do Mocambinho irão conversar com moradores do entorno do Parque e aplicar um questionário participativo sobre resíduos sólidos. Em seguida, será feito o plantio de oitizeiro, uma das espécies nativas da região, nos canteiros da área de passeio da Lagoa do Mocambinho.

O coordenador da Unidade do Projeto Socioambiental, Jorginei Moraes, explica que as ações do Circuito Integrado serão realizadas em parcerias com as escolas que estão dentro da área de intervenção do Programa e adequadas à idade escolar dos alunos.

“É na escola onde está esse processo de formação do cidadão. A criança e o adolescente levam o que aprendem na sala de aula para casa, para sua comunidade. Eles são multiplicadores. Por isso, vamos focar esse circuito junto com as escolas”, explica Jorginei Moraes.

Além da arborização, o circuito integrado terá visita a campo, cinema ambiental, palestras socioeducativas e teatro. Na terça-feira (6), nos turnos manhã e tarde, haverá sessão do cinema ambiental e plantio de mudas ornamentais na CEMEI Francisco de Assis. “As atividades são adequadas para cada público. Com os alunos da educação infantil, faremos o cineminha, que é uma forma de despertar e sensibilizar para a importância das questões ambientais”, comenta a educadora ambiental do Programa Lagoas do Norte, Márcia Alencar.

WhatsApp Image 2017-06-02 at 19.14.47.jpeg

WhatsApp Image 2017-06-02 at 19.14.48.jpeg

WhatsApp Image 2017-06-02 at 19.14.50.jpeg

WhatsApp Image 2017-06-02 at 19.14.51.jpeg

WhatsApp Image 2017-06-02 at 19.16.23.jpeg

Fonte: Com informações da Prefeitura de Teresina

Foram mais de 1 mil mudas - 27/05/2017 às 16h34

Semam distribui mudas no Parque da Cidadania durante o Ação Global

Antonio das Neves - Peritos Associados
comserv

Mais de 1 mil mudas de plantas foram distribuídas neste sábado (27/05) pela Secretaria de Meio Ambiente e Recursos Hídricos de Teresina durante o Ação Global, que aconteceu no Parque da Cidadania.

A medida é forma de incentivar a preservação das áreas verdes da cidade, já que a arborização ajuda a controlar o clima, além de trazer benefícios ao meio ambiente.

A prefeitura de Teresina disponibilizou ainda um espaço voltado para explicar os trabalhos desenvolvidos pelo órgão, como a Gerência de Meio Ambiente e do Núcleo de Educação Ambiental.

E como forma de incentivar a adoção de animais, a Seman também montou um espaço para tirar dúvidas da população sobre as responsabilidades e o cuidado com os bichos de estimação.

O Ação Global é realizado pelo Serviço Social da Industria, em parceria com a Rede Globo.

DSCN9980.JPG

DSCN9982.JPG

DSCN9818.JPG

DSCN9829.JPG

Meta de 1,5 graus centígrados - 17/05/2017 às 10h27

Fórum climático alerta que limitar temperatura é questão de sobrevivência

O Fórum de Vulnerabilidade Climática (CVF), grupo que reúne 50 nações especialmente vulneráveis ao aquecimento global, advertiu nesta quarta-feira (17/05) em Bonn, na Alemanha, que limitar esse fenômeno a um máximo de 1,5 graus centígrados é "questão de sobrevivência". A informação é da Agência EFE.

"Para os países-membros do fórum, cumprir com a meta de 1,5 graus é simplesmente uma questão de sobrevivência", declarou Debasu Bayleyegn Eyasu, que comanda a Direção de Coordenação de Mudança Climática do Ministério de Meio Ambiente da Etiópia, país que preside atualmente o CVF.

Eyasu acrescentou que já está ocorrendo "significativo impacto climático" com o atual nível de aquecimento. Ele falou em entrevista transmitida pela internet e realizada em Bonn, onde ocorre a reunião dos países do Acordo de Paris para preparar a próxima Conferência do Clima, marcada para novembro nessa cidade alemã.

Um aquecimento adicional "não fará mais do que aumentar os riscos de impactos graves, generalizados e irreversíveis", afirmou.

A presidência etíope destacou que apesar dos graves riscos que enfrentam, os países-membros do CVF, que representam mais de 1 bilhão de pessoas nos cinco continentes, veem em uma "ambiciosa ação climática a oportunidade para prosperar".

"Temos enorme déficit em ação climática", advertiu Emmanuel M. De Guzman, da Comissão de Mudança Climática do Escritório da Presidência das Filipinas, país que precedeu a Etiópia à frente do CVF.

Segundo De Guzman, enquanto existe a possibilidade de frear a mudança climática é preciso aproveitá-la, pois "o fracasso não é uma opção". Para ele, são necessárias ações imediatas e drásticas.

"Os 1,5 graus são nosso limite de oportunidade e esperança", acrescentou.

Segundo Eyasu, "a ação climática pode reduzir riscos, limpar o ambiente, gerar novos trabalhos verdes, limitar a instabilidade econômica e potencializar o uso sustentável de recursos nacionais".

A falta de uma ambiciosa ação climática, disse, "prejudicará muito seriamente" o alcance dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, a chamada universal à adoção de medidas para pôr fim à pobreza, proteger o planeta e garantir que todas as pessoas gozem de paz e prosperidade.

Fonte: Agência Brasil

Conservação do litoral - 19/04/2017 às 15h10

Ministério prevê plano de ações contra acúmulo de lixo no litoral do país

A nova versão do Plano Federal de Gerenciamento Costeiro (PAF), coordenado pelo Ministério do Meio Ambiente, vai incluir ações para combater o acúmulo de lixo na costa brasileira.

Será necessário um diagnóstico para avaliar o impacto das milhões de toneladas de resíduos sobre o meio ambiente marinho nos 8,5 mil quilômetros de litoral. Serão propostas ações para reduzir os danos ambientais.

O novo PAF está em fase de elaboração e prevê ainda a criação de um programa de monitoramento da linha de costa e avanços no zoneamento ecológico-econômico costeiro (ZEEC) e no Projeto Orla. Os dois instrumentos são fundamentais para reduzir a degradação do litoral. Outra ação do novo PAF será o resgate dos encontros nacionais de gerenciamento costeiro, que, depois de nove anos, terá nova edição em junho de 2017.

O gerenciamento integrado da zona costeira prevê a participação do governo federal, estados, municípios, sociedade civil e empresas nas decisões. O grupo, responsável por planejar a implementação do PAF na esfera federal, terminou recentemente a avaliação da fase 2015-2016. Com base nos resultados, deverá reforçar os programas de capacitação e treinamento.

O plano bienal faz parte da estratégia de implementação do Plano Nacional de Gerenciamento Costeiro, principal política pública para o a conservação do litoral do País.

Fonte: Com informações do Portal Brasil e Ministério do Meio Ambiente

Carregando, por favor aguarde...
CFO - MA - Vem pro Podium!
Mestrado em Políticas Públicas | Vem pro Podium
PM-MA - Vem pro Podium!
Últimas Notícias
20h26 Na Série D: River perde e dá adeus; Altos e Parnahyba avançam de fase 19h15 W. Dias tira foto com torcedores altoenses no estádio Felipão 18h39 W. Dias visita estádio Felipão em Altos e parabeniza prefeita por belo trabalho 18h16 Governador W. Dias prestigia o jogo entre Altos e Tocantins pela Série D 17h57 Porto comemora 97 anos com missa e inaugurações 17h25 Governador participa da posse do novo Bispo do município de Floriano 17h20 W. Dias visita o município de Jerumenha e autoriza retomada das obras do estádio 17h18 Motorista de HB20 perde o controle do carro, sai da pista e capota na BR-343 17h16 CTB Piauí realiza congresso em THE e define aprovação do plano de lutas 17h03 UEMA recebe as inscrições para dois Concursos com 7 vagas; veja o edital 17h03 THE: Corpo de jovem é encontrado na entrada do Albertão 16h53 PRF-PI recupera duas motocicletas tomadas de assalto em Floriano-PI 16h52 Governador W. Dias visita Guadalupe e entrega ofícios de imóveis 15h52 Após assaltar estudante, jovem é preso com duas armas de fogo no interior do PI 15h45 Morre irmão Dodô, servo do Senhor da Assembeia de Deus Santana 15h24 Ministério Público move ação penal contra ex-prefeito de Marcos Parente 15h22 População parnaibana poderá ficar 24 horas sem água nas torneiras 15h20 Prefeito Venicio do Ó visita primeiro morador de povoado e promete iluminação pública 15h05 Prefeito Venicio do Ó visita obra de quadra poliesportiva em povoado no município de Pimenteiras 14h52 Prefeito Venicio do Ó visita obra de UBS no povoado Baxio no município de Pimenteiras 14h42 Prefeito Venicio do Ó visita povoado com técnico para resolver problema de falta de eletricidade 14h16 Zona Norte de Teresina:carro capota na Avenida Poti após derrubar poste 14h09 Prefeito Venicio do Ó prestigia show de abertura da 35° Vaquejada no município 13h13 Festejos de São João Batista: Na abertura da vaquejada foi realizada procissão e missa do vaqueiro 12h41 Caminhão-tanque explode e mata pelo menos 120 pessoas no Paquistão